Capa » Notícias » Grávida desaparecida: motorista da Uber diz que a deixou no Metrô Tatuapé

Grávida desaparecida: motorista da Uber diz que a deixou no Metrô Tatuapé

gravida-desaparecida-uber

Homem afirma que, durante todo o percurso, a mulher ficou falando ao telefone

O motorista da Uber que transportou a grávida desaparecida desde a tarde da última sexta-feira (30) prestou depoimento nesta terça-feira (4). Ele disse que deixou a mulher na estação Tatuapé do Metrô. A versão dele foi confirmada pela polícia, pois ontem foi concedida a quebra de confidencialidade do aplicativo para saber qual foi o percurso feito.

O motorista disse também que, durante todo o trajeto, Kelly Cristina Martins realizou algumas ligações. Por conta dessa declaração, foi solicitada a quebra de sigilo telefônico para saber com quem a grávida conversou antes de sumir.

As imagens das câmeras de segurança do Metrô e do shopping Tatuapé também foram solicitadas. A partir das imagens será possível saber se o depoimento do motorista é verídico. Ele foi liberado ainda ontem depois de dar suas explicações.

No dia do desaparecimento, Kelly tinha que pagar uma conta referente a uma compra que fez em uma loja de roupas. A polícia acredita que ela pode ter descido no local para fazer o pagamento dela. O 41º Distrito Policial segue investigando o caso.

Fonte: R7

Sobre networkp

Check Also

Doria perde CNH e diz que fará curso e exame para recuperar habilitação

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta terça-feira (6) que fará curso ...